FANDOM


Shabadaba (シャバダバ, Shabadaba) foi o ex-ministro e o rei auto-proclamado do País da Lua.

Personalidade

Shabadaba era uma pessoa muito gananciosa. Ao contrário de seu amigo Kakeru, ele era egocêntrico e cruel, e só se preocupava com dinheiro. Shabadaba acreditava que tudo gira em torno do dinheiro, e estava disposto a trair e matar seu amigo para ganhá-lo. Ele alegou a Michiru que ele desejava se tornar um rei para que ele pudesse comer todas as comidas mais deliciosas que ele pudesse para ganhar um corpo gordo como o príncipe, desejando viver ricamente e luxuosamente. Sua ganância e personalidade gulosa definem seu personagem, Shabadaba desconsidera facilmente a lealdade e traí a amizade para cumprir seus próprios objetivos.

Além de sua ganância, infidelidade e crueldade, Shabadaba era bastante sádico, como quando Michiru foi capturado, em vez de matá-lo para assumir seu título, Shabadaba inventou um método para assistir Michiru lutar antes de morrer, a fim de se entreter ao invés de assistir uma execução chata. Ele também podia entrar um temperamento violento quando as coisas não saiam como ele queria, como quando ele fez birra quando os seus guardas não conseguiram capturar Michiru e Hikaru, quando se relembrou dos momentos de desejo de Kakeru para gastar a riqueza do reino com os pobres e quando Ishidate se recusou a ouvir mais as suas ordens. Tudo isso o levou à sua queda, como por prolongar a morte de Michiru ele acabou permitido ao Time 7 conseguir resgatar o rei cativo, e por suas argumentações contra um Ishidate perturbado acabou o levando à sua morte.

Aparência

Shabadaba era um homem baixo, corpulento, com cabelo castanho curto que se projetava para fora nas laterais (dando a ligeira semelhança com chifres), costeletas e um bigode espesso. Ele usava vestes roxas sobre uma veste branca, com um colar semelhante a um colar de ouro e uma faixa rosa por cima do ombro esquerdo. Seus dedos eram adornados com anéis de ouro e jóias e os seus ouvidos tinham brincos.

História

Passado

Shabadaba serviu como um ministro e amigo próximo do rei do País da Lua, Kakeru Tsuki. Ao contrário das visões nobres do rei, no entanto, Shabadaba desejava unicamente a riqueza e o poder. Kakeru via através dos desejos do ministro que ele queria o trono para si, mas era esperançoso de que Shabadaba iria ver o erro de seu caminho e compreender as mais nobres visões. Conforme o tempo passou, no entanto, Shabadaba continuou no caminho para a anarquia, e, eventualmente, Kakeru, tendo aceitado o conselho de seus soldados, decidiu lidar com Shabadaba; que, ao descobrir que Kakeru estava planejando usar a riqueza do país para ajudar os pobres, bem como diminuir os impostos, o fez trair o seu amigo, contratando Ishidate, Kongō e Karenbana para assassinar Kakeru e sua linhagem: Michiru e Hikaru Tsuki, para que Shabadaba pudesse herdar o título de "rei".

Visão Geral da Trama

ShabadabaPetrificado

O cadáver de Shabadaba petrificado e quebrado.

Quando Michiru e Hikaru voltaram ao reino, Shabadaba ordena que os dois sejam mortos e declara Korega um traidor quando ele veio para defender os legítimos herdeiros do trono; a fuga dos príncipes levou Shabadaba à fazer birra. Mais tarde, quando Michiru foi capturado, ele decide fazer Michiru ser enforcado de uma forma tortuosa, a fim de se entreter assistindo a luta do príncipe mimado. Suas tropas entram em conflito com Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Rock Lee, Kakashi Hatake, os rebeldes e os artistas circenses. Um Ishidate enfurecido planeja matar Naruto e Hikaru. Shabadaba tenta lembrar a Ishidate de sua missão para matar Michiru, resultando em Ishidate, sem saber, agarrar Shabadaba pela gola com sua Manopla de Petrificação (que é ativada no momento) transformando-o em pedra. Embora Ishidate mostre surpresa por atacar o seu contratante, ele rapidamente parte para continuar sua luta. Quando Naruto derrota Ishidate, a força de seu ataque impulsiona o ninja contra Shabadaba, quebrando-o.

Curiosidades

  • Diferente dos outros vilões mandantes dos três primeiros filmes, Shabadaba é o único que não tinha habilidades de ninjutsu ou qualquer outro tipo de combate: Dotō Kazahana usava o ninjutsu da Liberação de Gelo, enquanto Haido usava o poder da Pedra de Gelel. Além disso, ele é o único que não foi morto por Naruto intencionalmente, uma vez que o Rasengan foi usado contra Ishidate. Além disso, dos três vilões mandantes, ele é o único que Naruto não tem diálogos ou mesmo uma interação.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.