Wikia

Wiki Naruto

Quarta Divisão

Discussão0
4 455 pages em
Este wiki
Quarta Divisão
Quarta Divisão
(第四部隊, Daiyon Butai)

Divisão de Batalha de Longo Alcance (戦闘遠距離部隊, Sentō Enkyori Butai)

Estréia
Mangá: Capítulo 515
Anime: Episódio 256 (Shippūden)
Game: Naruto Shippūden: Ultimate Ninja Storm 3
Aparece em: Anime, Mangá e Game
Informações
Afiliação: Símbolo Forças Aliadas Aliança Shinobi
Líderes: Símbolo Sunagakure Gaara
Símbolo Konohagakure Shikamaru Nara (Representante)
Membros: Símbolo Konohagakure Chōji Akimichi
Símbolo Kumogakure Dodai
Símbolo Sunagakure Matsuri
Símbolo Iwagakure Sagan
Símbolo Sunagakure Temari
Símbolo Sunagakure Yukata (Apenas Anime)
Jutsus em Time
Liberação de Terra: Parede do Estilo-Terra de Dez Mil Ri
Tarja da Barreira de Selamento (Apenas Anime)
Liberação de Água: Formação da Parede de Água

A Quarta Divisão (第四部隊, Daiyon Butai), também conhecida como Divisão de Batalha de Longo Alcance (戦闘遠距離部隊, Sentō Enkyori Butai) é um batalhão da Aliança Shinobi liderada por Gaara de Sunagakure, formado em preparação para a Quarta Guerra Mundial Ninja.

Composição Editar

A Quarta Divisão é composta de vários shinobi e samurais, igualmente, que se concentram principalmente em combate de longo alcance. De acordo com seu comandante representante, Shikamaru Nara no anime, a divisão é usada como uma defesa para as unidades de apoio, bem como suporte para as outras Divisões principais.[1] A Divisão também tem uma sub-divisão, que é especializada no uso do chakra da natureza vento.

História Editar

Gaara e Darui liderando suas Divisões

A Quarta Divisão se dirige para o seu campo de batalha ao lado da Primeira Divisão.

Após a sua formação, a Quarta Divisão se dirige para um terreno rochoso e árido perto do limite sul do País do Relâmpago. Gaara espalha uma quantidade significativa de sua areia sensitiva na frente de sua unidade para poder sentir a presença de inimigos, o que lhe permite detectar um se aproximando, um reencarnado, o Segundo Tsuchikage.[2] Mais tarde, ele usa o seu Terceiro Olho para observar o inimigo, com isso Gaara vê o Tsuchikage invocar o Segundo Mizukage, o Terceiro Raikage e seu pai, o Quarto Kazekage.[3]

Sabendo que será difícil enfrentar os quatro Kage, o quartel general manda Ōnoki para prestar assistência, especialmente para enfrentar a ameaça que as técnicas de Mū representam.[4] O Q.G. também reestrutura a Quarta Divisão para se prepararem para o inevitável encontro com os Kage, enquanto respondem aos pedidos de auxílio das outras batalhas simultâneas que estão ocorrendo. Essas ordens determinam que a Quarta Divisão comece a recuar para os lados enquanto formam uma divisão (">"). Em seguida, eles são ordenados a manterem os inimigos à distância, até que a parte superior de seu arranjo possa romper e prestar assistência para a Primeira Divisão oprimida, com eles retornando acompanhados com um novo auxílio somente quando os inimigos forem derrotados.[5]

O Ataque do Gedō Mazō

Os reforços da Quarta Divisão são confrontados pela Estátua Demoníaca do Caminho Exterior.

Agindo de acordo com essa estratégia, Shikamaru Nara leva parte das suas forças para auxiliar a Primeira Divisão, deixando o resto da Divisão continuar a sua retirada e aguardar a reação dos Kage. Imediatamente após a sua chegada, estes reforços vitais são fundamentais para selar um Kinkaku furioso, com Shikamaru acatando às instruções de seu pai, colaborando tanto com Chōji Akimichi como Ino Yamanaka da Quinta Divisão, a fim de realizarem essa ação.[6] Continuando o confronto, o subseção da Quarta Divisão é dividida entre várias batalhas que ocorrem em todo o campo de batalha, com a geração atual do Ino-Shika-Chō partindo para derrotarem seu mentor falecido, Asuma Sarutobi.[7] Apesar de encontrarem dificuldades em completar essa árdua tarefa, em parte devido à sua relutância de enfrentar um ex-companheiro, um Chōji recém determinado consegue imobilizar Asuma e depois, determinado em terminar a batalha, saí para auxiliar nos outros focos de batalhas na área.[8] Aniquilando os inimigos remanescentes, uma calmaria momentânea percorre o campo de batalha, porém, Tobi invoca a Estátua Demoníaca do Caminho Exterior e ordena que ela ataque.[9] Após sofrerem baixas consideráveis ​​durante o ataque da Estátua Demoníaca, eles decidem tratarem de suas feridas durante a noite, antes de se dirigirem para se unirem com o resto da Quarta Divisão no dia seguinte.[10]

Gaara vs. Kazekage

Gaara enfrenta o Quarto Kazekage.

Implacavelmente perseguidos pelos Kage reencarnados ao longo de toda a noite e incapazes de manter essa postura por muito mais tempo, Gaara e Ōnoki decidem que é hora de irem para a ofensiva, só para observarem a reação dos seus adversários. Desencadeando uma onda colossal de areia com a intenção de prendê-los e, em seguida, obliterar os inimigos no caos que se seguiria, ambos os ataques são ineficazes em face ao Pó de Ouro do Quarto Kazekage e o contra-ataque de Mū, respectivamente.[11] Depois de uma breve trégua, como os dois lados conversam, com a história e o status de Gaara sendo uma das conversas, a batalha recomeça em meio a uma colisão de ouro e areia. Após receberem o sinal esperado, o resto da Divisão avança ao longo de uma frente larga, enquanto Gaara distraí os inimigos. Utilizando essa distração para conter os inimigos com um abraço imobilizante, Mū e Ōnoki se afastam do campo de batalha principal durante a confusão resultante.[12] Um Gaara em lágrimas então começa a completar o selamento de seu pai, antes de tentar fazer o mesmo com os Kage restantes, no entanto, os dois conseguem se libertar facilmente da areia, quando ambos reagem instintivamente contra esta ameaça à seus corpos. Atacando os outros shinobi como eles mantêm a sua abordagem, as tropas se recuperam rapidamente e cercam os inimigos, enquanto que em outro lugar Ōnoki começa a ter dificuldade em enfrentar seu ex-mentor sozinho. À luz das fatalidades crescentes, tanto o Mizukage quanto o Raikage revelam seus respectivos pontos fracos para apressar a sua derrota, mas os problemas crescem após o Mizukage fazer sua invocação.[13]

Eles conseguem selar Mū e mais tarde o Terceiro Raikage com o auxílio de um clone de Naruto que apareceu no campo de batalha. A seção da Divisão tinha, no entanto, sido diminuída para um punhado de shinobi pelo fato das múltiplas batalhas ocorridas. Com isso, aqueles que foram deixados saem para auxiliar Gaara, enquanto a outra metade de sua Divisão ficou para enfrentar o Segundo Mizukage.

O choque do Tengai Shinsei

Madara envia dois meteoritos sobre a Quarta Divisão.

Imediatamente após o Segundo Mizukage ser derrotado por Gaara e Ōnoki, é revelado que Mū evitou ser selado após dividir seu corpo em duas partes exatas e totalmente independentes. Depois de reunir energia o suficiente, Mū utiliza a Técnica de Invocação e invoca Madara Uchiha. Após um sensor alertar a Divisão de que alguém estava vindo, Gaara olha em choque quando ele vê Mū e Madara Uchiha no alto em um precipício. Gaara se pergunta o que está acontecendo, chamando a atenção para os olhos de Madara que revelavam que ele foi reencarnado. Após esta revelação a Divisão fica em choque, imaginando quem realmente é o homem mascarado que afirmou ser Madara. Madara então enfrenta a Quarta Divisão e rapidamente os subjuga. Ele usa seu poder de atrair um meteorito. Ōnoki voa para o céu e usa sua Liberação de Terra: Técnica da Rocha de Super Peso-Leve, na tentativa de pará-lo. Junto com a ajuda de Gaara e sua areia, ele é capaz de parar o meteorito. No entanto, Madara rapidamente atraí outro meteorito que colide com o primeiro. Segundo Ao que está no quartel general da Aliança, a maioria da Quarta Divisão é morta. Madara então decide testar sua Liberação de Madeira para matar os membros remanescentes da Quarta Divisão. Um clone de Naruto, reforçado com o chakra do Nove-Caudas, destrói a floresta inimiga. Ōnoki se prepara para enfrentar Madara. Ao mesmo tempo, Tsunade e A chegam ao campo de batalha através da Técnica de Transferência Celestial de Mabui, repelindo Madara e Mū. Mei Terumi também chega com Genma Shiranui e Raidō Namiashi, através da Técnica do Deus Voador do Trovão.

Eventualmente, os sobreviventes do ataque de Madara e a outra metade da Quarta Divisão se reúnem com o resto das Forças Aliadas e são enviados para auxiliar Naruto Uzumaki e Killer B contra o Jūbi sob o comando de Madara e Obito Uchiha.

Referências Editar

  1. Naruto: Shippūden episódio 256
  2. Naruto capítulo 524, páginas 16-17
  3. Naruto capítulo 525, páginas 4-5
  4. Naruto capítulo 526, páginas 15-16
  5. Naruto capítulo 525, páginas 11-12
  6. Naruto capítulo 529, páginas 11-17
  7. Naruto capítulo 530, página 10
  8. Naruto capítulo 534, página 10
  9. Naruto capítulo 536, páginas 14-17
  10. Naruto capítulo 537, páginas 1-15
  11. Naruto capítulo 546, páginas 6-17
  12. Naruto capítulo 547, páginas 10-17
  13. Naruto capítulo 548, páginas 12-18

Mais da comunidade Wikia

Wiki aleatória